Perfil de Risco: por que tão importante e como definir o seu

Perfil de risco: saiba como descobrir ou alterar o seu perfil de investidor entre conservador, moderado e agressivo

perfil_de_risco

Perfil de risco: você sabe a importância dele nos seus investimentos?

Para te explicar exatamente o que é e como o perfil de risco atua efetivamente na escolha dos melhores investimentos para você, precisamos falar sobre o suitability.

O suitability é a ferramenta utilizada pelas corretoras para descobrir qual é o seu perfil de risco, também conhecido como perfil de investidor.

Ou seja, por meio desse sistema é possível identificar e oferecer os produtos condizentes ao risco que o seu perfil de investidor tolera nos investimentos.

Neste artigo, iremos explicar o que é o perfil de risco e como alterá-lo, se o caso.

Vamos lá?

Perfil de Risco: O que mudou?

Alguns títulos públicos com prazo maior que 3 anos que antes estavam disponíveis a partir do perfil de investidor conservador agora são disponíveis a partir do perfil de investidor moderado.

Ações que antes eram permitidas a partir do perfil de investidor moderado estão disponíveis apenas para o perfil de investidor agressivo.

Importante: mesmo com as restrições acima, você será capaz de comprar qualquer produto mediante assinatura de um termo de desenquadramento.

Perfil de Risco: o que é?

Ao abrir uma conta em uma corretora você deve preencher um formulário, chamado de suitability, para que a instituição financeira possa indicar os melhores produtos para você.

O preenchimento desse questionário, que na Clear conta com apenas 9 perguntas, é uma norma obrigatória da CVM (Comissão de Valores Imobiliários) desde 2015.

Em outras palavras, sem que o mesmo esteja preenchido, o cliente é impossibilitado de investir em qualquer produto.

Vale lembrar: é fundamental que o investidor responda com muita franqueza e atenção as perguntas, que nada mais são do que informações pessoais do investidor, como idade, grau de instrução, estrutura familiar, patrimônio, experiência com investimentos e tolerância ao risco.

perfil_de_risco_suitability

Qual perfil de risco pode ser o seu?

O perfil de risco dos investidores pode ser dividido em três tipos: conservador, moderado e agressivo.

Conservador

O investidor com perfil conservador coloca a segurança em primeiro lugar e não quer assumir grandes riscos.

Como faz questão de se sentir seguro, prefere colocar seu capital em um investimento que sabe quanto irá render no fim da aplicação, como por exemplo o Tesouro Selic e demais títulos do Tesouro Direto – Tesouro IPCA+ e Tesouro Prefixado – com vencimento em até 3 anos.

Ou seja, preferem uma rentabilidade a médio e longo prazo com certa proteção ao capital investido, em vez dos resultados de curto prazo, que apresentam mais riscos nas operações.

Moderado

Esse perfil de risco busca investimentos que proporcionem segurança ao seu capital, mas com retornos acima da média.

Por isso, aceita assumir um pouco de risco, diversificando seu portfólio de investimentos entre produtos de Renda Fixa como por exemplo os títulos do Tesouro Direto – Selic, IPCA+ e Prefixado – independentemente do prazo de vencimento.

Agressivo

perfil de risco agressivo é aquele que tem bom conhecimento de mercado e tolera correr riscos para conseguir grandes resultados em suas operações.

Costumam aplicar mais da metade de seus recursos em produtos de renda variável, como AçõesFundos ImobiliáriosBTC (tomador), Operações Estruturadas e com algoritmosDerivativos e Mercado Futuro  – contratos cheios e minicontratos. Além, é claro, de todos os títulos do Tesouro Direto.

Esses investidores devem ter muita estabilidade emocional, uma vez que as chances de perdas são maiores do que no perfil conservador e moderado.

ações_ibovespa

Por que preencher o perfil de risco é tão importante?

O mercado financeiro é algo muito novo para a maioria das pessoas, por isso muita gente acaba escolhendo produtos que não condizem com o perfil e, com isso, têm um resultado inesperado à sua expectativa.

Hoje, nas corretoras de investimentos, há uma gama enorme de produtos, tanto de Renda Fixa, quanto de Renda Variável, disponíveis para o cliente investir.

No entanto, antes de se arriscar nesse mercado é essencial responder ao questionário da forma mais sincera possível.

Isso porque, para começar a investir em ações, seja no Swing Trade ou Day Trade, por exemplo, o seu perfil deve se enquadrar no agressivo. Bem como para investir em Contratos Futuros (Dólar e Índice).

Segundo o analista Filipe Fradinho, o FradGain das salas de análise da Clear, quando o investidor não tem o suporte necessário, mesmo que tenha perfil conservador pode acabar entrando em produtos mais expostos ao risco.

“Se a corretora não sabe o perfil de risco certo do cliente, ele pode acabar passando por aquela situação chata de “não sabia onde estava investindo” ou “acabei perdendo dinheiro”, explica.

Como atualizar seu perfil de risco?

Sim, sempre que quiser você poderá atualizar seu perfil preenchendo novamente o formulário. Lembrando que o perfil é atribuído de acordo com uma nota ponderada a partir das suas respostas e de algumas informações cadastrais.

como_investir_na_bolsa_home_broker