Minidólar: Como operar WDO com o dólar em alta?

Minidólar: Como operar WDO com o dólar em alta?

Navegue por assunto


Por: Time Master Clear

19/05/2022 • Atualizado: 28/06/2022

8 minutos

Compartilhar:

A moeda americana é uma velha conhecida dos brasileiros quando o assunto é investimento. Além de comprar a moeda de fato, existem outras modalidades, como fundos cambiais e as negociações no mercado futuro. Nessa última categoria, se enquadra o minidólar, produto que iremos falar neste artigo. 

A alta do dólar foi um dos temas mais falados nos noticiários econômicos dos últimos meses.  

Uma das explicações é que, em uma crise econômica de proporções globais, é natural que investidores resgatem seu dinheiro de países emergentes, mais instáveis, e invistam em títulos do Tesouro americano, que é mais seguro.  

Mas será que esse movimento é bom ou ruim para as suas finanças aqui em terras tupiniquins? 

Continue acompanhando com a gente e entenda como você pode lucrar com esse tipo de operação no cenário de dólar nas alturas. 

Dólar alto x Investimentos 

O valor histórico atingido pelo dólar pode representar uma oportunidade para que pequenos investidores lucrem com a alta da moeda. 

A primeira estratégia em que pensamos é na compra da moeda em si. Nesse caso, o investidor precisa ter comprado o dólar antes da alta e, quando entender que está próximo do topo da curva, deve vender e consolidar os ganhos. 

Em princípio, pode parecer fácil. Porém, é preciso muito conhecimento e estudo sobre o mercado para entender o tempo certo da operação. 📘 

Além disso, a compra da moeda em papel já não é algo tão usual para fins de investimentos. Quem acredita no potencial das “verdinhas” para rentabilizar, acaba optando por fundos cambiais ou por operações no mercado futuro, como os contratos de minidólar. 

O que é o mercado futuro?  

É simples, o mercado futuro é um ambiente virtual na bolsa de valores no qual são negociados contratos de compra e venda de ativos para uma data futura. 

O mecanismo de ganhar dinheiro com a valorização e perder com a desvalorização é exatamente o mesmo das ações. Entretanto, os objetos da negociação são contratos futuros, cujos ativos envolvidos podem ser índices, commodities agrícolas ou moedas, sendo a moeda americana uma das mais negociadas nesse mercado. 

Há também a possibilidade de operar vendido, podendo lucrar se vender mais caro ou comprar mais barato. 

O que é minidólar?  

Entendendo o funcionamento do mercado futuro, fica mais fácil compreender o conceito de minidólar.  

Trata-se da forma como são chamados os minicontratos da moeda americana, que podem ser considerados como um compromisso de compra ou venda de dólar em uma data futura. 

Um minicontrato é uma opção de investimento que conta com um lote mínimo menor do que os contratos cheios. A finalidade de um minicontrato é tornar essa modalidade de operação acessível a mais investidores, visto que um contrato cheio de dólar está na casa dos U$ 50.000. e a versão reduzida gira em torno de US$10.000. 

Porém, o valor do contrato é estipulado na hora da negociação. Apesar do valor elevado do contrato, o investidor consegue comprá-los com uma margem de garantia no valor aproximado de R$ 600,00 nas operações de day trade. 

Logo, há uma alavancagem muito alta para o valor da aplicação, elevando o risco, mas potencializando o retorno. Ou seja, basicamente, o minidólar costuma ser utilizado para proteção contra a volatilidade ou para especulação, seja na compra ou na venda.  

É importante lembrar que existe também o ajuste diário. Todo lucro e prejuízo são realizados no fechamento do pregão. Quem teve lucro, recebe o retorno. Quem teve prejuízo, é descontado enquanto estiver posicionado. 

Com isso, o investidor só ganha ou paga a diferença do minicontrato daquele dia, o que viabiliza as operações para quem tem pouco capital. 

Minicontratos: horário de negociação 

O horário de negociação para esses ativos é das 9h às 18h em dias úteis. A cotação do contrato é feita em real e o lote padrão das negociações corresponde a um contrato por vez no minidólar. 

Na data de vencimento, você não receberá a moeda física, mas terá direito à liquidação financeira da negociação, recebendo o lucro em sua conta ou tendo o prejuízo descontado. 

Vencimento Minicontratos 

A foto mostra dois homens debruçados sobre uma mesa de centro, na qual há um tablet e papéis com informações sobre investimentos em minicontratos

Outra peculiaridade desse tipo de negociação é que no mercado futuro, todos os contratos têm vencimentos. No dólar, por exemplo, todo mês tem um contrato diferente para negociar e o vencimento é no último dia de cada mês. 

Um minicontrato tem a sua sigla seguida pela letra que representa o mês de vencimento e o número do ano. Por exemplo, WDOJ20, para um contrato de minidólar com vencimento no mês de abril de 2020. 

Como operar com o dólar em alta

O minidólar costuma seguir a mesma tendência da moeda norte-americana e também as expectativas em relação ao cenário interno e externo.  

Com a possibilidade de alavancagem no investimento e de operar no day trade ou curto prazo, você pode aumentar o seu rendimento não só com a alta, mas também com a baixa ou a lateralização do contrato de minidólar. 

Contudo, as oscilações desse período da economia têm elevado a moeda e têm oferecido muitas oportunidades de operações, principalmente para aqueles que compram e vendem o ativo no mesmo dia e com base em uma boa análise gráfica. 

Para obter bons resultados, é preciso estar atento aos sinais do mercado e entender o momento certo de entrar ou sair da posição. Analise o comportamento gráfico do minidólar, como os pontos de mínima e de baixa em um determinado período. 

Os gráficos permitem traçar linhas de tendência, médias móveis e afins, que podem facilitar a sua análise. Mesmo que o comportamento passado não seja garantia de preço futuro, os gráficos ajudam a trazer perspectivas bem interessantes. 

Também existe a estratégia de tape reading, que é a leitura dos movimentos de compra e venda de minidólar. Com ela, é possível identificar o fluxo dos negócios fechados, facilitando a identificação de alta ou de baixa. 

Não deixe também de avaliar o cenário interno e externo na tomada de decisão, pois o cenário macroeconômico influi e muito na cotação do minidólar. 

Plataforma Zero

Encontrar a plataforma ideal para o seu perfil é fundamental. Portanto, para facilitar e encorajar isso, a Clear lançou a campanha de plataforma zero.  

Para ser elegível à campanha basta a realização de, no mínimo, um minicontrato, seja ele de índice ou dólar, com RLP ativo no mês.  

Pronto, sem segredos, só sucesso!  

Mas, vale ressaltar que, caso contrário, o valor integral da plataforma será cobrado no mês subsequente em que não for realizada uma operação de um minicontrato com RLP ativo.  

Algumas das plataformas que se aplicam são:  

Além de muitas outras.  

Importante: A gratuidade é válida somente para uma plataforma, no caso, a de maior valor.  

Não deixe essa oportunidade passar, aproveite agora mesmo! A campanha irá durar 12 meses, podendo ser cancelada a qualquer momento com aviso prévio de 30 dias.  

Conclusão

Com a economia nacional e global instáveis, a busca por proteção deve manter a procura por minidólar, elevando as cotações.  

Sendo assim, este é um bom momento para começar nesse tipo de investimento e conquistar bons rendimentos.  

Porém, caso a tendência de alta mude e a cotação comece a cair, é possível operar vendido, ou seja, você vende o ativo hoje, com a intenção de comprá-lo mais barato no futuro. 

Se você vender um WDO a 4.000 pontos e o recomprá-lo a 3.000 pontos. Como cada ponto vale R$ 10,00, o lucro bruto seria de R$ 10.000,00. Mas, quando a expectativa é alta, é hora de operar comprado no minidólar.  

Isso quer dizer que você compra o derivativo com uma pontuação baixa para depois vendê-lo mais valorizado. 

Não existe a definição do momento ideal para operar minidólar, já que cada investidor tem suas particularidades e objetivos variados. Mas, em cenários de desaceleração econômica, o minidólar costuma ser uma boa pedida, já que o dólar é visto como uma moeda forte. 

Porém, como este é um investimento de alto risco, é indicado investir apenas uma pequena parte do seu dinheiro e estar preparado para as oscilações. Antes de começar, estude bastante para compreender a dinâmica do mercado financeiro. 

Bons investimentos! 🚀