Mercado de opções para iniciantes: o que é e como funciona?

Mercado de Opções: conheça mais sobre essa modalidade de investimento na Bolsa de Valores, com Bea Aguillar

Um notebook aberto sobre uma mesa de madeira. Na tela, vê-se dados de uma plataforma de investimentos, em referência à temática do mercado de opções para iniciantes.

Quando falamos em bolsa de valores, é quase automático pensar em ações.

Mas e sobre o mercado de opções, você já ouviu falar?

Embora o termo seja um pouco diferente, as opções também são bem comuns na bolsa e, na realidade, existem também as chamadas opções de ações. Vamos explicar sobre isso na sequência. Acompanhe!

Opções de ações

No caso das opções de ações, trata-se de um tipo de investimento que garante ao seu titular o direito de comprar ou vender um ativo em uma data futura por um preço pré-determinado, com a  proposta de  minimizar riscos de oscilação do ativo e proporcionar um potencial de lucro a quem investe.

O que é o Mercado de Opções?

Mercado de Opções é onde ocorre a negociação do direito de comprar e/ou vender algum instrumento financeiro com base em um valor fixo. Quem compra uma opção é chamado titular e, quem vende, lançador. Inicialmente, eles não negociam o ativo, mas o prêmio (o valor que garante o direito de compra ou venda do ativo ou mercadoria).

Os dois definem o valor de venda ou compra, o chamado strike price ou preço exercido.

O titular sempre terá o direito do exercício, mas não a obrigação de exercê-lo. O lançador terá a obrigação de atender ao exercício caso o titular opte por exercer seu direito.

Um exemplo parecido é o seguro de carro.

Ao adquirir um seguro, você está garantindo o direito de venda do veículo por um valor fixado mesmo que ocorra um imprevisto que o desvalorize.A opção de compra é chamada de call e a de venda de put.

Como funciona o Mercado de Opções?

O Mercado de Opções funciona assim: o titular (aquele que fez a compra de uma opção) não precisa exercer o direito de compra, e o lançador (quem fez a venda da opção) fica com o dinheiro do prêmio.

Imagine que você (lançador) comprou um apartamento (ativo) no valor de R$ 300 mil e acredita que ele vai valorizar.

O seu irmão (titular) também pensa que o valor vai subir, mas ele não tem o dinheiro para comprar o imóvel no momento.

Então, vocês fazem um acordo de opção de compra (call).

Seu irmão deposita R$ 30 mil (prêmio) para ter o direito de comprar o apartamento por R$ 340 mil (strike) após 1 ano (período do contrato).

Isso porque ele acredita que o valor do apartamento pode chegar a R$ 400 mil. Se a previsão se concretizar, seu irmão poderá comprar o imóvel por R$ 340 mil. Logo, ele pagará R$ 370 mil em um bem que vale R$ 400 mil.

Caso o cenário não se concretize, o seu irmão não precisa exercer o direito de compra e você fica com o dinheiro do prêmio.

O mesmo exemplo pode ser usado para uma opção de venda. Suponha que você comprou o mesmo apartamento, mas descobriu que ele deve desvalorizar.

Você pode pagar R$ 30 mil ao seu irmão para ter a opção de vender (put) o apartamento a ele por R$ 300 mil em até um ano.

Como investir no Mercado de Opções?

Investimentos no Mercado de Opções são realizados por meio do Home Broker ou pela mesa de operações, e são indicados para investidores com alguma experiência na Bolsa, pois para investir no Mercado de Opções, é importante saber como esses contratos são negociados.

Na bolsa de valores, a B3, as opções são identificadas pelas 4 primeiras letras do ativo, seguidas pela letra do mês de vencimento e, por fim, o número que indica o strike.

Por exemplo, o código VALEB18 indica uma opção de ações da Vale com vencimento em fevereiro, com strike de R$18,00.

Confira a tabela abaixo:

mercado_de_opcoes

Vantagens e desvantagens

O mercado de opções oferece diversas oportunidades, tanto no sentido de controlar riscos, como no de operar alavancado.

Nele, existe a possibilidade de investir em tendência de alta ou de baixa e é possível diversificar as estratégias.

O investidor pode construir posições controlando as zonas de lucro e prejuízo, aumentando a rentabilidade da carteira.

Além disso, as opções se apresentam como uma alternativa interessante para quem pretende lucrar no curto prazo.

Analisando riscos e desvantagens do mercado de opções, podemos considerar que a possibilidade de perda é mínima para quem utiliza esse tipo de contrato para se proteger de possíveis oscilações do ativo.

O máximo que o titular pode perder é o valor do prêmio.

No caso do lançador, ele pode obter ganhos de duas maneiras: recomprando a opção de compra por um preço inferior do que o recebido na venda ou esperando o vencimento do contrato para conseguir o prêmio.

Porém, o lançador está sujeito a perdas ilimitadas. Ele é um especulador.

Outro risco desse tipo de investimento é a volatilidade do mercado, já que as opções estão associadas a ativos como moedas, ações e commodities. Outro ponto é a liquidez.

Nem sempre é possível resgatar o dinheiro aplicado no momento desejado.

Se você adquire um contrato com pouca liquidez, pode precisar vendê-lo a um preço abaixo do mercado, sacrificando parte do lucro.

Custos no Mercado de Opções

É importante considerar também os custos para aplicar em opções, como a taxa de corretagem e a taxa de custódia pelo serviço de guarda da aplicação.

Essas taxas na Clear são todas zeradas, mas ainda assim é necessário se atentar aos outros custos.

São cobrados também emolumentos, as taxas cobradas pela Bolsa de Valores para cada operação de compra e venda de ativos.

As opções têm incidência de Imposto de Renda de 15% sobre o rendimento líquido e de 20% para operações de day trade.

No caso das ações, não incide IR para ganhos inferiores a R$ 20 mil no mês, mas com as opções o mesmo não acontece.

Apesar de o mercado de opções oferecer perspectivas muito interessante, como em todo investimento, é preciso calcular os riscos para não perder mais do que um limite estipulado.

Quanto maior a possibilidade de lucro, maior é o risco de prejuízo também, no caso do lançador.

Há uma série de particularidades no que se refere à negociação de opções.

Portanto, para investir no  mercado de opções é importante adquirir conhecimento, se familiarizar com os conceitos e entender as diversas estratégias que existem.

Quer começar a investir agora? Abra sua conta na Clear e invista com taxa de corretagem ZERO!