Investimentos de curto prazo são pra você? Descubra!

Investimentos de curto prazo são pra você? Descubra!

Navegue por assunto


Por: Time Master Clear

08/12/2021 • Atualizado: 28/06/2022

10 minutos

Compartilhar:

A foto mostra um homem e uma mulher sentados em um sofá. O homem tem um copo de café descartável nas mãos. A mulher tem um notebook no colo, para o qual aponta, enquanto o homem olha para o local indicado por ela, em referência ao estudo sobre investimentos de curto prazo.

Quem investe está sempre pensando na tríade liquidez-rentabilidade-segurança, ou seja, o capital aplicado alcançando excelentes resultados, no menor espaço de tempo possível. Mas é importante lembrar que investir no mercado financeiro requer paciência, conhecimento e planejamento. 

E você já parou pra pensar qual tipo de investimento é o mais apropriado para o seu perfil? Será que os investimentos a curto prazo são pra você? 

Nesse conteúdo, a gente te conta tudo sobre o que é investimento, quais são os tipos de investimentos a curto prazo disponíveis no mercado e, ainda, separamos algumas dicas sobre renda variável para iniciantes. Vem ver! 👇 

Conceito de investimento 

O conceito de investimento é a “aplicação de recursos, tempo, esforço etc a fim de se obter algo”, de acordo com o dicionário Oxford. Em outras palavras, um investimento é a nossa atuação na busca de alcançar algum objetivo. 

Podemos investir na educação de nossos filhos, em uma relação amorosa ou na compra de ações da Bolsa de Valores, entre tantos outros exemplos. Investir no mercado financeiro é aplicar uma quantia de dinheiro para que a aplicação gere ganhos em um determinado prazo.  

O conceito de investimento passa por três premissas básicas: 

  1. Não gera custos para quem está investindo; 
  1. Promove uma expectativa de lucro futuro; 
  1. Não exige esforço (trabalho) da pessoa investidora. 

Na Clear você conta com corretagem zero nos melhores produtos do mercado. Abra sua conta, é online, rápido e 100% grátis.

Investimento a curto prazo 

Investimento a curto prazo é um tipo de investimento que acontece por meio de operações que duram de 01 a 90 dias. Esses investimentos são basicamente caracterizados pela alta liquidez, ou seja, tendem a oferecer retorno muito rapidamente.  

Investimento a médio prazo 

Investimento a médio prazo tem uma expectativa de resultados que dura de 02 a 05 anos. Por isso, o planejamento de um investimento desse tipo precisa ser feito levando-se em consideração esse prazo maior. As pessoas que fazem investimentos a médio prazo podem buscar por ele pensando numa viagem futura ou na compra de um carro novo, por exemplo. 

Investimento a longo prazo 

Investimento a longo prazo é aquele com resgate previsto em, no mínimo, cinco anos. Dessa forma, para quem está investindo em ações a longo prazo, por exemplo, é necessário dispor de mais tempo e paciência  

Para quem os investimentos de curto prazo são recomendados? 

Teoricamente, quanto mais tempo seu dinheiro fica aplicado, maior pode ser sua rentabilidade, pois o mercado o recompensa por investir ao longo de um prazo maior. Mas quem está em busca, necessariamente, de alta rentabilidade e liquidez pode se dar bem com os investimentos a curto prazo. 

Digamos que você queira comprar uma casa, e pretende fazê-lo em, no máximo, três meses. Isso significa que você precisará ter dinheiro disponível para pagar pela compra do imóvel, mas, até que isso aconteça, pode aplicá-lo em investimentos a curto prazo para usufruir dos ganhos que alcançará naquele período. 

Na Clear você tem corretagem e custódia zero, além da maior alavancagem do mercado para investir no curto prazo. Abra sua conta e não perca mais tempo.  

Melhor investimento a curto prazo: como descobrir? 

A foto mostra uma mulher mais velha de cabelos vermelhos, com as costas apoiadas em um sofá, usando óculos, com um celular nas mãos, mexendo no aparelho, em referência a ação de realizar um investimento a curto prazo.
Separamos três dicas fundamentais para entender qual é o melhor tipo de investimento a curto prazo para você.

As características dos investimentos a curto prazo (alta liquidez e rentabilidade) são interessantes para quem não pretende investir por muito tempo. Mas será que só isso é suficiente para entender se esse tipo de investimento é ideal para você?  

Na verdade, é sempre muito importante considerar esses dois aspectos juntamente com a garantia de segurança. É possível fazer isso através de análises, como a gráfica e a fundamentalista, por exemplo. 

É fundamental, ainda, acompanhar as movimentações do mercado financeiro, a depender do tipo de investimento a curto prazo que você pretende investir. No nosso canal no Youtube, o Rafa Ribeiro comenta, diariamente, sobre o fechamento de mercado. 

É um bom caminho para ficar por dentro das flutuações do mercado. E lembre-se que, no final das contas, o maior objetivo de aplicar em investimentos de curto prazo é alcançar o melhor resultado no menor tempo possível

Na sequência, a gente deixou três dicas que podem ajudar a escolher o melhor investimento a curto prazo para você. Olha só: 

1. Descubra seu perfil de risco 

Como você se sente diante da volatilidade do mercado de ações? Se suas aplicações apresentam uma perda significativa, você corre para trocar de carteira ou aguarda pacientemente uma melhor resposta do mercado? Até onde você abre mão da segurança, em troca da possibilidade de melhor rentabilidade? 

Esses tipos de perguntas podem ajudar a guiar as pessoas que investem a entender qual é o seu perfil de risco. Se você está começando agora no universo dos investimentos, talvez o primeiro passo antes de começar a investir, seja definir o seu perfil. A partir daí, é possível montar sua carteira de acordo com as suas características, compreendendo se os investimentos de curto prazo são realmente pra você. 

Na Clear, por exemplo, você pode fazer um quiz para descobrir qual é a plataforma que melhor se adapta às suas necessidades. Esse tipo de teste ajuda −e muito− na hora de operar ações e outros investimentos na prática. 

2. Tenha um plano 

Ainda não há uma fórmula mágica para o sucesso no mercado financeiro, mas isso não quer dizer que você deva começar a investir sem se planejar. 

É que as possibilidades de ganhos e perdas são muitas, e são inúmeros os tipos de aplicação, então, é preciso pensar quanto tempo o dinheiro estará disponível para aplicação e quais são os seus objetivos. 

Em resumo, é em função de um bom plano que você pode maximizar seus ganhos, sejam eles relacionados aos investimentos de curto prazo, médio ou longo prazo. 

3. Mantenha sua carteira diversificada 

Você já deve ter ouvido falar que nunca se deve colocar todos os ovos em uma mesma cesta, porque se algo acontecer a essa cesta, todos os ovos estarão em perigo. 

Como o mercado financeiro é, por definição, muito volátil, manter a carteira diversificada é uma garantia para evitar possíveis perdas drásticas, que podem ser acarretadas pela flutuação do mercado, e instabilidade econômica e política, que atingem segmentos de maneiras diferentes. 

Tipos de investimentos a curto prazo 

A foto mostra dois homens lado a lado. O homem à direita mostra um tablet para o outro, em referência ao ato de apresentar os tipos de investimentos a curto prazo.
Vem com a gente que vamos te mostrar os cinco principais tipos de investimentos a curto prazo.

São vários os tipos de investimentos a curto prazo, e cada um deles é adequado para um perfil de pessoa investidora e para um determinado momento de investimento. Saiba, agora, quais são os principais investimentos de curto prazo pra colocar na sua carteira: 

Tesouro Selic 

É um título público negociado na plataforma Tesouro Direto com rentabilidade atrelada à taxa Selic. Como são garantidos pelo Governo Federal, são considerados os títulos públicos mais seguros do país. 

CDB 

Os Certificados de Depósito Bancário (CDB) oferecem diferentes prazos, rentabilidade e liquidez –muitas vezes até diária. São aplicações seguras porque são garantidos pelo FGC (Fundo Garantidor de Crédito) em até R$ 250 mil por CPF e por instituição. 

LCI e LCA 

As Letras de Crédito Imobiliário (LCI) e Letras de Crédito do Agronegócio (LCA) se parecem bastante com os CDBs, mas sua aplicação é direcionada para os segmentos imobiliário e/ou do agronegócio. São isentas de imposto de renda. 

Compra de ações 

A compra de ações caracteriza-se como um investimento de renda variável, e pode ser feita através de uma plataforma trader ou um aplicativo de investimentos, também pode ser uma opção de investimento de curto prazo, mesmo porque sua liquidez tende a ser alta.  

Você pode adquirir um lote de ações em um dia e vendê-lo muito rapidamente, até mesmo no próprio dia da compra, lucrando com esta operação, da qual iremos falar mais detalhadamente à frente. 

Fundos de Renda Fixa referenciados DI 

Os Fundos DI (fundos de renda fixa referenciados DI) mantêm relação direta com o CDI (Certificado de Depósito Interbancário) e a taxa Selic. São pós-fixados, portanto podem aumentar ou diminuir diante do movimento da Selic. Para valer a pena aplicar em Fundos DI, a taxa de operação não deve ser maior do que 0,5% ao ano e a remuneração deve ser maior do que 100% do CDI. 

Investimentos para iniciantes 

De maneira geral, quem está começando nos investimentos costuma demonstrar mais timidez na hora de investir. 

Se você está considerando ser trader para operar no mercado de ações, mas acredita que esse tipo de aplicação, que é um investimento a curto prazo, pode não ser pra você, separamos algumas dicas para desmistificar esse pensamento: 

Como ganhar dinheiro na Bolsa de Valores a curto prazo? 

Para ganhar dinheiro na Bolsa de Valores a curto prazo você deve prestar atenção à valorização das ações. 

Se você compra um papel a, por exemplo, R$5,00 e em um curto espaço de tempo ele passa a valer R$5,50, você terá um ganho de 10% ao vendê-lo nestas condições. E isso pode acontecer muito rapidamente.  

Por meio do day trade, é possível obter lucro na Bolsa de Valores, operando em um mesmo dia, ou seja, a curtíssimo prazo. Saiba mais sobre essa operação abaixo: 

Day trade para iniciantes 

Para iniciar sua jornada no day trade, primeiro, é preciso entender que, para ter bons resultados, é necessário estudar o mercado. Assim, você consegue identificar, de forma mais assertiva, as melhores oportunidades para realizar transações rápidas e com alta probabilidade de acertos. 

Além disso, é interessante que, antes de começar a operar efetivamente, você faça simulações de investimentos por meio de simuladores day trade e tente operar, pelo menos nesse começo, da forma menos alavancada possível.  

📘 Veja 5 dicas de day trade para iniciantes 

📘 Entenda como otimizar seu ponto de entrada no day trade 

Com o tempo, você vai ganhando mais experiência e conhecimento a respeito das operações de day trade, que são um tipo de investimento a curto prazo e, quando estiver mais habituado às plataformas de negociação, dá pra fazer uso de uma inteligência artificial, como a AIA, da Clear, que reconhece padrões comportamentais que podem ser prejudiciais para suas operações. 

Swing trade para iniciantes 

Swing trade, como pontuamos em outro conteúdo, é uma operação que tem abertura e fechamento de posição em pregões distintos da Bolsa, e permite, assim, que a pessoa investidora passe semanas comprando o mesmo ativo

Ao contrário do day trade, onde quem é trader negocia ações em um mesmo dia, o swing trade opera a curto ou médio prazo, sendo um investimento em tendências. Dessa forma, a operação tende a oferecer menos risco e maior possibilidade de ganhos. 

Se quiser entender melhor como é possível utilizar o swing trade, assista ao vídeo abaixo, no qual ensinamos como fazer a operação utilizando nosso home broker, o Clear PRO. 

Se ainda ficou alguma dúvida em relação aos investimentos para iniciantes, você pode acessar nosso portal de conteúdos, nossos vídeos no Youtube e nossas redes sociais (InstagramTwitterFacebook e LinkedIn). 

Bons investimentos! 

Invista com a especialista na bolsa! Abra sua conta na Clear e tenha corretagem zero nos melhores produtos do mercado.